quinta-feira, 21 de abril de 2011

Oito Parágrafos Curtos

Realmente questiono se faço bem meu papel de ser humano no meio desta balbúrdia sem precedentes chamada mundo. Num penso fazer bem mas noutro momento tenho quase certeza de que me saio bem mal na vida.

Santa Virgem de Cimbres!

Minhas relações cada vez mais difíceis enquanto não sei do melhor.

O melhor?

E nada de segurança.

Vou chutar o balde.

Desconhecemos tudo? Nada sabemos? E por qual razão deixamos de confiar nas "respostas prontas"?

Cadê meu conforto?

Sem saber o que fazer... Que tonteira! Meu giro de trezentos e sessenta graus...

Um comentário:

  1. A certeza brota do ser para além do ser: rudimentos essenciais.

    Giro de trezentos e sessenta graus foi bem apropriado.

    ResponderExcluir