sábado, 11 de janeiro de 2014

Meia-Volta

Sim. Mudei. Bastante.

Desejava transformar o mundo... Mas com que direito? Desconheço quase tudo do mundo! Pouco daquilo que talvez eu conheça me dá direito de transformá-lo?

Sim. Mudei. Bastante.

Percebi quão absurdo meu desejo poderia ser. E mesquinho também. Então decidi largar o feminismo. Voltei para meu lugar: o Catolicismo.

Sim. Mudei. Bastante.

Com humildade vou procurar entender agora bem a tradição cultural proporcionada pelas melhores cabeças para depois questioná-la nalgum ponto: se for necessário tal questionamento. Calar-me-ei se não for.

Sim. Mudei. Bastante.

Mas, enquanto desejava transformar, uma vez afirmei que com erro sabendo daria meia-volta para retornar a verdade. Pois é: dei.

Sim. Mudei.

Basta de maluquice!

Nenhum comentário:

Postar um comentário